Dessalinização da água do mar pode solucionar a falta de água potável

29 jan Dessalinização da água do mar pode solucionar a falta de água potável

O intenso calor e a falta das chuvas têm deixado os brasileiros em estado de alerta em relação à falta de água. Cidades do país estão vivendo um momento de racionamento, enquanto outras sofrem com as torneiras totalmente secas. Com reservatórios e mananciais quase vazios, companhias de abastecimento afirmam que a situação é a mais grave em cerca de 20 anos.

Apesar de o Brasil ter um dos maiores potências hídricos do mundo, possuindo 12% de toda a água do planeta, o consumo também é muito grande. Os setores offshore e marítimo também utilizam água para seus processos internos e consumo humano. Grande parte dela é captada na concessionária de água em terra e transportada por navios até as plataformas de petróleo. Pensando nisso, o Grupo VICEL desenvolveu seu Projeto Água para fornecimento de água potável aos seus clientes. O modelo de negócios garante economias significativas aos clientes e uma taxa de disponibilidade significativamente superior, visto que a modalidade inclui os serviços de operação e manutenção dos equipamentos pelos técnicos especialistas da VICEL. O Projeto Água também beneficia o meio ambiente, reduzindo a captação de água doce dos rios, gerando até 300 mil litros de água potável por dia através da dessalinização da água do mar.

De acordo com o Gerente Técnico do Grupo VICEL, Thadeu Paravidino, a dessalinização da água do mar é muito utilizada também em regiões onde a água potável é escassa ou de difícil acesso, como no Oriente Médio, na Austrália e no Caribe. “A dessalinização da água do mar ou salobra dos açudes e poços se apresenta como uma das soluções para a humanidade vencer mais esta crise que já se pronuncia”, afirma.