ONU promoverá o primeiro Festival Mundial dos Oceanos

oceano

28 abr ONU promoverá o primeiro Festival Mundial dos Oceanos

Após um estudo realizado por pesquisadores da Associação Educacional do Mar de Woods Hole, em Massachussetts, foi descoberto que cerca de 8 milhões de toneladas de plástico são despejados nos oceanos por ano. Esse número bastante significativo deixa claro a urgência da busca por soluções para minimizar esse grave problema que está assolando os oceanos.

Tentando encontrar um meio de reverter essa destruição que só vem aumentando, a Organização das Nações Unidas (ONU) divulgou esse mês que vai realizar o primeiro Festival Mundial dos Oceanos, no dia 04 de junho.

O festival vai acontecer um dia antes da Conferência das Nações Unidas, que vai ocupar a sede da Organização em Nova York, entre os dias 5 e 9 de junho. O evento irá abordar temas sobre proteção, conservação e uso sustentável dos oceanos e tem como principal objetivo estimular a população mundial a colaborar com a preservação dos mares.

Organizado pela Fundação Global Brian, em parceria com a ONU, o Festival Mundial dos Oceanos, centraliza suas ideias no Objetivo de Desenvolvimento Sustentável 14 (ODS), projeto que será abordado na Conferência das Nações Unidas.

Futuro dos oceanos é preocupante

Peter Thomson, presidente da Assembleia Geral, ressaltou durante a coletiva na sede da ONU a situação bastante preocupante dos oceanos e lembrou que, se esse cenário permanecer, daqui a alguns anos haverá mais plásticos que peixes nas águas. Ele ainda explicou que a poluição dos oceanos está prejudicando consideravelmente a evolução dos peixes e que a única solução a ser tomada é o desenvolvimento sustentável.

Já o prefeito de Nova York, Bill de Blasio, identificou a urgência de buscar ações para combater as mudanças climáticas. Segundo ele, isso só será possível através de uma gestão eficiente dos recursos naturais do mundo.

A conferência também é uma grande oportunidade de tratar sobre temas bastante importantes, como a poluição dos oceanos, incentivo à pesca, uma vez que os recursos estão se esgotando, e a degradação dos ecossistemas costeiros, além de ser uma oportunidade para refletir sobre os impactos das mudanças climáticas em todo o mundo. Thomson lembrou que 40% das causas para o aumento do nível do mar ocorre devido ao aquecimento dos oceanos.

O festival vai levar para a população da cidade uma marcha oceânica, que consistirá em um desfile de velejadores ao redor da ilha de Manhattan e ao longo de 10 milhas náuticas de East River. Uma das organizadoras do evento, Natalia Veja-Berry, disse que o intuito é mostrar para os líderes mundiais que estarão na conferência a urgência de agir.

Foto: Pensamento Verde

Nenhum comentário

Ecrever comentário